Read More Read More

" />
Dicas de banho para recém nascido

Dicas de banho para recém nascido

Hoje iremos dar dicas para facilitar a vida dos papais e mamães em algo que tira o sono de qualquer grávida: o banho. Eu sempre me senti insegura quando estava grávida, eu me perguntava: como seria dar banho em um recém nascido? Um bebê molinho, muitas vezes pequeno e indefeso. Muitas mães têm medo de deixar o bebê escorregar e afogá-lo (parece exagero mas sempre tive esse medo!). Por isso, vou dar dicas do que fiz e deu certo nos primeiros meses de vida do meu bebê.

Atualmente temos muitas opções no mercado quando o assunto é banho, temos a banheira tradicional de pé (alta), banheira baixa (sem pé), balde próprio para bebês (arredondados para não machucar) e o PUJ (já falamos dele aqui no blog). Vocês poderão escolher conforme gosto, conforto e até mesmo praticidade, o importante é pesquisar as opções e estar confiante que se sairá bem com ela. A banheira de pé tem um acessório bem legal, uma pequena rede que você acopla na banheira e faz dela um pouco menor, fazendo o recém nascido ficar mais aconchegante.

Eu também utilizei o chuveiro quando meu bebê tinha um mês, nós demos banho nele de chuveiro durante 15 dias (pois tivemos que morar em um hotel enquanto as obras do nosso apartamento não ficavam prontas). Foi uma experiência bem agradável, precisando do auxílio de uma outra pessoa.

Fazíamos assim: o Pedro entrava no chuveiro de blusa de algodão (a blusa serve para não escorregar quando o bebê estiver ensaboado e tiver o contato da sua pele com a dele), regulava a temperatura da água, eu entregava o bebê (ele segurava o bebê olhando para frente, como se estivesse sentado em uma cadeirinha), ele molhava cuidadosamente a cabeça e o corpo com uma das mãos e eu vinha com o sabonete líquido lavando por partes, primeiro a cabeça, depois o peito e pescoço, depois as partes genitais, pernas e pés. Depois ele segurava o bebê de costas para mim e eu ensaboava as costas e bumbum. Quando finalizava, eu pegava a toalha e Pedro me entregava o bebê, eu o levava para a cama para secar e colocar a fralda e a roupa. Deu certo assim nos quinze dias que precisamos e gostamos bastante.

banheira tradicional de pé (alta) – perfeita para quem tem banheiro grande, pois você consegue encher a banheira lá mesmo, sem necessidade de deslocamento de balde de água que pode acabar molhando o caminho e cansa bastante para encher e depois esvaziar. Sem conta que a banheira dentro do banheiro deixa o banho mais quentinho, pois a água quentinha do chuveiro já vai esquentando o local do banho.

 

banheira baixa (sem pé) – boa para quem tem bancada no banheiro ou quarto, pois ficar agachada cansa a coluna, além de já estarmos preocupadas em como segurar o bebê. Costuma ser a opção mais barata.

balde próprio para bebês (arredondados para não machucar) – são específicos para dar banho de ofurô, para relaxar e acalmar o bebê. Muitos falam do benefício do banho de balde para os bebê com cólicas. Apesar de ser específico para ofurô, conheci pessoas que davam banho no balde e adoravam.

 

PUJ – como já falamos em outra matéria, o PUJ é uma placa dobrável de espuma que acopla a pia, facilitando bastante o banho. Para mim essa foi a melhor opção dentre todas que citei e testei. O bebê fica confortável, ficamos em uma boa posição e altura, sendo de fácil manuseio. O ponto negativo é não vender no Brasil, só achei nos Estados Unidos da América. E também não caber em qualquer pia, ela tem que ter o mínimo de profundidade e a torneira também tem que ser alta.

 

Dicas que eu gostaria de dar pois funcionaram comigo:

  • Fazer curso de banho e primeiros cuidados (achei essencial, pois obtive dicas importantes para me sentir segura na hora do banho).
  • Não deixe o medo dominar você, vá com cuidado que tudo irá bem.
  • Corte as unhas bem rente para não arranhar o bebê na hora que você for manuzeá-lo.
  • Deixe tudo o que você for precisar bem próximo.
  • Se você puder contar com a ajuda de alguém, será ótimo, pois podemos esquecer algo ou precisar de uma mãozinha mesmo.
  • Leia, se informe e pesquise e tudo sairá bem!

 

Lilica.

One thought on “Dicas de banho para recém nascido

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook User Timeline

Close
homepage