Read More Read More

" />
Asfixia postural: não deixe seu bebê dormir na cadeirinha

Asfixia postural: não deixe seu bebê dormir na cadeirinha

Em abril de 2015, uma família passou por uma verdadeira desgraça ao ver o segundo filho do casal morrer por conta de uma asfixia postural ou também conhecida como asfixia posicional.
O bebê Shepard Michael Dood, que tinha quase três meses foi deixado na creche e os seus pais não teriam nenhum motivo para se preocupar com a sua segurança, entretanto, um erro fatal mudou para sempre a história daquela família.
O que ocorreu foi que, lamentavelmente, naquele dia um funcionário colocou o bebê na cadeirinha do carro ao invés de colocá-lo no berço para que o pequeno dormisse. Quando voltou, duas horas depois, Shepard estava com a pele azulada. Assustado, o funcionário entrou em contato com a polícia e descobriram que já era tarde pois o bebê havia falecido.
Esse hábito que muitas famílias têm de deixar que os bebês durmam em cadeirinhas de carro, tanto dentro ou fora do veículo é fruto do desconhecimento do perigo e risco que reside em ocorrer uma asfixia postural.

Mas o que é essa asfixia postural, afinal?

      Quando o bebê nasce, ele sai do meio amniótico (líquido) ao seco (em que vivemos) por conta da força da gravidade. Como todos sabemos, por ser muito pequeno, ainda não possui capacidade para se manter sentado (o que só passa a ocorrer por volta do quinto ou sexto mês), daí ele ter que dormir deitado e não sentado.
Entretanto, quando o colocamos no bebê conforto, se ele não estiver na posição adequada, o seu corpo flexiona sobre si próprio (por conta da gravidade), realizando um formato de letra “C”, o que dificultará a respiração, já que o tórax e o abdômen estarão pressionados. Assim, quando a cabeça recai pra frente, o bebê passa a ter dificuldade em respirar até que não consiga mais e, infelizmente, venha a óbito.

Então não devo usar o bebê conforto?

      Por favor, não estamos dizendo isso! O bebê conforto faz parte das regras de segurança do DETRAN e o não uso do mesmo está sujeito a multa, além de ser motivo de morte do bebê em caso de acidente no veículo.
As cadeirinhas devem ser usadas somente no carro, com os bebês bem posicionados (observe a imagem abaixo) e por não mais de uma hora e meia. Caso os pais precisem fazer viagens longas de carro, a sugestão é que façam pequenas pausas para tirar o bebê daquela mesma posição.
Um estudo publicado em 2007  concluiu que o uso de bebê conforto deve ser restrito apenas ao veículo e nunca ser substituto do berço. O que os pesquisadores apontam é que o uso do bebê conforto deve sempre considerar a posição da cabeça do bebê reta em relação aos ombros e estes sempre presos ao cinto de segurança, evitando assim que a cabecinha dele tombe.

    Após a trágica morte do pequeno Shepard, a família dele (e nós do blog Mãe Só Tem Uma) esperamos que com a campanha de conscientização reduzam-se drásticamente o número de bebês que morrem por essa diferente forma de asfixia.
Por isso, sempre alerte ao cuidador da criança (pais, avós, tios, babá) sobre os riscos de colocar as crianças pequenas em um bebê conforto que não seja aprovado pelo INMETRO e, principalmente, na posição inadequada.

asfixia-postural

Traduzido e adaptado de: lavozdelmuro.net e www.bebesymas.com

Nana.

38 thoughts on “Asfixia postural: não deixe seu bebê dormir na cadeirinha

    1. É importante que o bebê sempre tenha quem o supervisione quando estiver dormindo na cadeirinha. Cuidado apenas com brinquedos acolchoados ou travesseiros para não causar asfixia no bebê.

    2. Pois é, parece que se esqueceram desse pequeno pormenor, quando as crianças são um bocadinho maiores e têm sono essa almofada é do melhor. Como já têm força para segurar a cabeça… caso contrário, também não é má, mas a posição da cadeira não deve ser esta. Os bebés devem ir quase deitados. Procurem em sites portugueses…

    3. Oi Tania. Eu tenho uma almofadinha dessa no meu carro. Mas no meu caso ela atrapalha mais do que ajuda, porque ao colocar em volta do pescoço, a cabecinha dela pende mais rapidamente pra frente. Eu comprei um tamanho apropriado para ela. Ela ajuda a não balançar para os lados.

  1. Muito bom! Qualquer utensílio mal utilizado é motivo para acidente ou morte! As pessoas tem o mal hábito e falta de paciência de não ler as instruções e colocam a culpa no fabricante do equipamento! Vamos ter mais atenção às regras de segurança!!!!

  2. Sim acho cadeirinha uma segurança. Mas vamos viajar.sao gêmeos. Eles sempre ficam assim mas cadeirinhas .oa dois caem.quando dorme.uma vez pensei pq eles não fazem uma coisa confortável. Aquilo acaba com.a criança. Ali apertado não pode se mecher..usamos pq e o jeito mas que é horrível cadeirinhas e..acho que deveriam ser .quando a criança dorme. Reclinaase para trás.

    1. Oi, Márcia. Realmente o bebê conforto não é o modelo mais confortável. Mas já vi modelos que reclinam sim. Não estou certa se vendem no Brasil ou fora, mas sim, existe os que reclinam.

      1. Aqui no Brasil vende sim! Essas reclináveis. Meu filho usa desde novinho. Eu gosto muito, pq ele dorme e a cadeira praticamente deita, eu sempre fiquei preocupada com a posição da cabeça, sempre tive medo. Por isso procurei uma que pudesse deitar quando ele dormisse. Sou de Salvador e encontrei aqui.

  3. Gostaria muito que me informasem quando se devo virar a cadeirinha de carro para frente?
    Meu bebê tem um aninho e dez meses mais tenho medo que aconteça um acidente no tranzito e ele nao consiga firmar o pescoço. Tenho medo que aconteça o pior.

    1. Gracilene, após 1 ano ele já pode ser virado pra frente. Imagino que com 1 ano e 10 meses já deve estar bem desconfortável o bebê conforto para ele.

      Procure uma cadeirinha que aguente até 25 kgs de peso, por exemplo, pq durará por bastante tempo e será mais seguro em caso de batida, pois o pescoço dele estará protegido na cadeirinha.

  4. Oh eu vou aproveitar essa enqueté e dar a minha opinião, mim desculpe, mais acho que esse bebê conforto e muito mal projetado, eu sempre senti um desconforto muito grande da munha bebê nele, claro pIorque seria sem ele. Mais acho que temos que melhorar para dar mais conforto aos nossos bebês, aliar conforto com segurança.

    1. Greisiely, realmente, o modelo de bebê conforto nem sempre é confortável. Mas existe o modelo da Chicco, por exemplo que é reclinável e bem melhor para o bebê, mas também é mais caro.

  5. Esses bebê confortos sao terrivelmente desconfortáveis.. eu sempre coloco um travesseirinho nas costinha so meu bebê para ficar maia confortável… ahtes ba verdade era um travesseirinho daqueles d bebê mesmo e um lençolzinho dobrado ate a altura da curva da nica e colocava tbm jma fralda dobrada ao lado da cabeça para não ficar balanço tanto.. ai conforme ele foi cr3acwndo fui diminuindo…e hoje ainda ele c 6 meses coloco o travesseirinho q é bem fino…
    Alem d tuso isso quase nao tem eapuma e o tevido é auper quente(marca burigotto) quem fabrica, elabora os modelos deveriam observar esses erros, pois de conforto não tem nada!!!

    1. Natália, concordo com você. As opções de bebês confortos que temos no mercado nacional é bastante desconfortável mesmo.
      Existem alguns que são vendidos nos EUA (a preço de banana) que reclinam e são beeeem mais confortáveis para, especialmente, o recém-nascido.
      Fica o alerta para qualquer leitor, ao usar qualquer objeto para dar “conforto” ao bebê, atenção ao risco de sufocamento.

  6. Oi Felipe meu nome é Getúlio tudo bem gostei muito de saber desta fica eu sempre ficava preocupado c a posição da minha filha na cadeira agora vou ficar mas atento pois sou pai novamente.
    Quero te falar a respeito de uma coisa que todo mundo acha bonito e normal a criança brincar eu estou falando da purpurina e alta mente perigosa . Trabalhei em um Hospital como Aux de Enfermagem e la me deparei com um caso de um menino de 4 anos de idade que infelizmente veio a óbito após ter aspirado pelo nariz purpurina não teve jeito foi operado mas faleceu pois retirar purpurina, gliter do pulmão os médicos não conseguiram . Eu na escola da minha filha pedi para substituir a purpurina por cola Gliter. Um abração.

    1. Katleen, a legislação brasileira prevê que o bebê deve estar em um bebê conforto virado para trás até 1 ano de idade. Sei o quão desconfortável deve ser para o seu bebê. Sugiro que você veja uma dessa cadeiras que servem como bebê conforto e depois cadeirinha (são maiores e mais espaçosas) e aí ele aguentará mais tempo (até 1 ano) para poder virar.

  7. Gostaria de uma imagem de como arrumar bebê de um mês, eles praticamente dormem o tempo todo, eu coloco paninhos do lado da cabeca pra ela ficar reta, mais não sei se é o certo.

    1. Oi, Patricia. Realmente nesta idade eles são tão pequenos e molinhos que dá um certo “nervoso” ao vê-los no bebê conforto.

      Existe no mercado um redutor pro bebê conforto (joga no google que você consegue ver) que nada mais é que um rolinho que serve para dar mais firmeza ao bebê.

      Os paninhos podem ajudar, mas MUITO cuidado para que ele não se asfixie.

  8. Oi, eu comprei para minha filha aqui no Brasil uma cadeirinha que também serve como bebe conforto e que reclina até três estágios, é da marca Chicco e é maravilhosa. A minha filha mais velha, que tem 5 anos também tem uma cadeirinha apropriada para o peso e a idade dela que também reclina. É preciso pesquisar bastante antes de comprar e geralmente investir um pouco mais.

    1. Oi, Jerusa. Ótima indicação.

      Realmente, uma cadeira confortável e que pode ser utilizada por mais tempo não costuma ser barata em nosso país.

      Agradeço a indicação.

  9. Infelizmente o site nao deixa eu colocar o me. post aqui. Mas existe uma forma pratica e sem custo de arrumar esse problema, basta fazer dois rolinhos com uma toalhinha ou fralda de pano e colocar nas laterais da cabeça do bebe e lembrar de ajustar corretamente o cinto. Essa dica foi dada por enfermeiras onde moramos. Pode checar meu face q deixei o post aberto.

  10. Minha BB tem 2 meses e não fica como a imagem, ela se encolhe td, isso me incomoda muito pq vejo q ela não está confortável. E o BB conforto é de 0 à 18 kilos.

    1. Oi, Vanessa.
      Você já tentou usar um adaptador pra bebê conforto? Ou tem a opção de colocar alguns rolinhos (de cueiro mesmo) ao redor dela pra gerar um pouco mais de conforto.

    1. Oi, Talita. Quanto menor o bebê, menor será o controle do pescoço dele, ou seja, ele ainda não consegue erguê-lo ou mantê-lo sustentado. Então, o ideal é evitar que ele faça esse movimento de C entre o pescoço e o peito. Uma sugestão é colocar cueiros ou paninhos enrolados ao lado da cabeça pra que sirvam de apoio (sustentação) a fim de evitar que seu pescoço caia em direção ao peito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook User Timeline

Close
homepage