Read More Read More

" />
Dicas práticas para uma alimentação saudável

Dicas práticas para uma alimentação saudável

Como ter uma alimentação saudável nos dias atuais? Estamos o tempo todo correndo contra o tempo, trabalhamos fora de casa, às vezes, estudamos, levamos e buscamos filho na escola, na natação e muitas vezes a alimentação familiar acaba ficando de lado. A verdade é que é muito mais fácil comprar comidas prontas, congeladas e resolver nossa questão em poucos minutos, não é verdade?

Quem nos acompanha aqui sabe que prezamos a alimentação saudável da família (não só do bebê, pois ensinamos através do exemplo), por isso temos a Nutriped como parceiras que escrevem textos para o blog, participam do nosso curso de casais grávidos e futuramente vamos ter vídeos também no YouTube entrevistando elas. Prezamos muito para quem nos acompanha tenha informação de qualidade.

Por isso, hoje, viemos trazendo dicas práticas para te ajudar na cozinha, no dia a dia, para que a alimentação saudável da família, se torne viável. A verdade é que para comer bem, devemos descascar mais e desembalar menos, então requer um pouco de dedicação, mas com as dicas que trouxemos hoje, irá facilitar e muito na cozinha!

Prepare papel e caneta e anote aí:

 

  • Leia os rótulos das embalagens: quanto mais ingredientes tiver, desconfie. Quando mais nomes estranhos, não é natural. Por exemplo, molho de tomate, busque os que tenha somente tomates e o conservante ou se tiver disposição e um pouco de tempo, veja nossa receita de molho de tomate caseiro no YouTube. Nos rótulos, o primeiro ingrediente que aparece é o que mais tem no produto, por exemplo, se você pega um pacote de biscoito e o primeiro ingrediente é açúcar, significa que o que mais tem naquele pacote é açúcar.

 

  • Siga perfis de comidas saudáveis: eles te darão dicas para facilitar sua vida na cozinha, por aqui sigo: @nutriped, @comidinhasdadiana, @paveg (comida vegana e super saudável), @ritalobo e tento adquedar as dicas a minha realidade.

 

  • Congelar comida: as comidas caseiras, sem conservantes, duram até 3 meses no congelador, então para facilitar a sua semana, faça grandes quantidades e congele. Eu, por exemplo, faço uma panela grande de feijão e separo em vários potinhos, conforme vou precisando, vou pegando. Fica bem mais prático e até evita de jogar comida fora. Não esqueça de botar etiquetas com as datas que você congelou a comida para não perder a validade.

 

  • Deixe tempero pré-pronto: Alho e sal triturado, conserva até fora da geladeira, assim quando você for cozinhar, não terá que descascar alho, amassar, isso economiza um tempo na nossa vida corrida. Dá para guardar cebola picada para a semana também, é só banhar no azeite, botar em um pote e guardar na geladeira. Lavar um pe de alface de uma vez, secar bem as folhas e guardar em um pote fechado (botar uma folha de papel toalha por cima do alface ajuda a conservar).

 

  • Potes de plástico: use potes de plástico BPA free, ou em português, livre de bisfenol (uma substância cancerígena que o plástico comum pode soltar).

 

  • Nos siga no Canal do YouTube: Lá damos dicas de comidas e lanches saudáveis para toda a família. Testada e aprovada por nós.

 

  • Menos açúcar: já parou para notar o quanto de açúcar consumimos diariamente? Se você começar a reparar, irá ficar surpreso! Então tenho feito esse exercício e tentado diminuir o uso do açúcar em geral, mas aboli o uso do açúcar branco, pois quanto mais branco mais refinado e mais químicas utilizadas para o refinamento. Tenho usado o demerara ou mascavo (ele é um pouco mais caro, mas como tenho usado pouco, não fez tanta diferença no orçamento).

 

  • Substituição: o achocolatado que estamos acostumado a usar, tem grande quantidade de açúcar. Consegui substituir aqui em casa pelo cacau 100% e mesmo que eu adoce, coloco a quantidade de açúcar que eu desejar, além de não ser o refinado. Substituí também a farinha de trigo pela farinha de trigo integral. A dica é peneirar ela antes de fazer o bolo, ele não fica tão pesado e seco.

 

  • Bebida em caixinha: não entra mais aqui em casa. Ou bebemos suco da fruta feito em casa, comprado nos hortifurttis (pois geralmente fazem no dia) ou bebemos suco de uva integral (sem adição de água ou açúcares) ou água mesmo, que tem sido nosso preferido.

 

Claro que as mudanças não ocorrem de um dia para outro. Temos que ter propósito, perseverança, além do que é aconselhável buscar um acompanhamento nutricional. Mas deixamos aqui dicas do que você pode mudar para tornar a sua vida e consequentemente a vida do seu filho mais saudável. E aí? Mãos à obra?

 

 

Lilica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook User Timeline

Close
homepage