Read More Read More

" />
Dicas para montar um quarto Montessoriano

Dicas para montar um quarto Montessoriano

Quando decidimos que era a hora de ter um filho, eu comecei a ler sobre diversos assuntos e o método montessoriano foi um dos meus assuntos de interesse. Uma colega me convidou a participar de uma grupo virtual montessoriano e ali eu comecei a ler e me interessar sobre esse método que estava na moda.

Tudo parecia tão lógico: maior liberdade para a criança (desde o nascimento), o quarto pensado no desenvolvimento e aprendizado de forma simples, com autonomia e organização. O lugar em que a criança vai passar uma boa parte da vida dela, feito para ela aproveitar ao máximo, tendo acesso aos brinquedos, podendo se descobrir através do espelho, com a cama (ou colchão) rente ao chão para ela entrar e sair a hora que quiser.

O método montessoriano vai além de um modelo de quarto, ele é um guia que irá te auxiliar na educação de seu filho com base no método que a médica e educadora italiana chamada Maria Montessori desenvolveu no começo do século XX. Então, para falarmos de como montar um quarto no estilo montessoriano, eu irei primeiramente falar um pouco do método e seus pontos basilares.

Para Maria Montessori:

– a criança aprende por si mesma, segundo o seu processo natural de desenvolvimento e períodos sensíveis;

– cada uma possui o seu ritmo;

– o ambiente deve ser propício ao aprendizado e também deve atender às necessidades especificas da criança.

Focando no terceiro item acima, formulamos um quarto específico para o bebê que irá chegar e que será estimulado o tempo todo com os objetos ao seu redor, se for voltado para ele (na sua altura e com as suas necessidades) isso se torna mais objetivo e assertivo.

Por isso, no quarto montessoriano tudo que contiver nele deverá ser de altura baixa para o bebê/criança ter acesso e com isso desenvolver a habilidade da liberdade e da autonomia. Alguns móveis como estante, cama, armário, dentre outros, devem estar o mais próximo ao chão para o bebê ter além do acesso aos objetos, estar seguro para sua utilização.

O espelho horizontal e de baixa altura também será útil para o bebê quando começar a rastejar, poder se ver, se reconhecer e perceber que ele ao invés do que imagina nos primeiros meses de vida, não é parte integrante de sua mãe, mas é uma individualidade com vontade e movimentos próprios. E o espelho é um ótimo exercício para treinar essa questão.

 

Pode ser colocado móbiles nos primeiros meses de vida, para estimular o bebê. Os brinquedos são organizados em estantes baixas para que a criança tenha acesso a eles para escolher o que quer brincar e também para aprender a guarda-los no final da brincadeira. Não podemos deixar de frizar que o quarto irá passar por algumas mudanças ao longo de meses e anos, pois irá se adequar as necessidades de cada fase de desenvolvimento de seu filho. Sendo assim, o móbile utilizado nos primeiros meses perde seu propósito quando o bebê começa a andar, do mesmo modo, o espelho colocado na horizontal quando a criança fica um pouco maior e não mais se rasteja como inicialmente.

Para ilustrar, irei falar um pouco de como fiz o quarto montessoriano para o meu filho e colocar algumas fotos para ajudar na produção do quarto do seu filho(a). Dentro das minhas possibilidades, eu tentei pensar em algo que pudesse ficar o mais próximo que o método montessoriano coloca, mesmo tendo um quarto pequeno.

O que para mim foi essencial: a cama baixa, o espelho (de acrílico para não ter chance de quebrar) horizontal e a estante baixa. O armário era embutido quando viemos morar neste apartamento e tirá-lo para colocar um pequeno armário para colocar as roupas a altura do bebê, poderia me gerar um problema de espaço, já que o apartamento é relativamente pequeno. Então, essa questão do armário eu não pude adaptar. O tapete EVA é muito bom também, principalmente se o quarto será montado para a chegada do bebê.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Já tenho planos para modificá-lo em 1 ano e meio ou 2 anos, colocando o espelho na vertical e adicionando na parede um quadro negro ou pintando uma parte da parede com tinta preta especial para poder desenhar, assim, o Antonio terá um espaço de desenho grande para desenvolver suas habilidades motoras com giz e tinta.

A barra em frente ao espelho, é indicada para os bebês que ainda engatinham e estão treinando se levantar e firmar seu corpo. Acabei optando por não colocá-la porque a utilizaria por um período muito curto de tempo e eu teria certa dificuldade em removê-la, já que a parede do quarto tem papel de parede.

Espero ter ajudado vocês com as dicas para montar um quarto montessoriano para o bebê que irá chegar ou mesmo seu filho(a) já um pouco maior. Abaixo colocarei algumas dicas de site para uma pesquisa mais apurada sobre o método:

Beijos, Lilica.

 

Você conhece a torre de aprendizagem? Não? Então, leia aqui pra saber mais.

 

One thought on “Dicas para montar um quarto Montessoriano

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook User Timeline

Close
homepage